O que fazer em Edimburgo, na Escócia

COMPARTILHE:
Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn

Se você procura um destino no estilo medieval mas também com o charme do moderno, com certeza deverá conhecer a linda Edimburgo, capital da Escócia. Apesar da cotação da libra estar por volta de R$ 5,00 / £ 1,00, a cidade é bem mais barata que a mais visitada do Reino Unido, Londres.

O Nós na Trip esteve por lá em maio e traz super dicas para você acrescentar em sua próxima viagem para conhecer esse lugar que faz você se sentir em um filme.

 

Assista o vídeo e conheça a cidade junto com a gente!

 

Saiba o que fazer em Edimburgo

Como se locomover do aeroporto até o centro da cidade

A maneira mais rápida, fácil e barata é pegar o ônibus airlink de número 100, basta seguir as placas de dentro do aeroporto. Você vai comprar o ticket na cabine do lado da área de embarque pelo valor de £ 4,50 ida ou £ 7,50 ida e volta. É bem confortável e tem bastante espaço para colocar as malas, você tem acesso ao wi-fi gratuito e tem tomadas para carregar o seu celular (Clique aqui para saber qual o modelo do Reino Unido). Existe uma televisão com todas as próximas paradas e ainda há informações extras como: quais hotéis estão perto daquele ponto e quanto tempo vai demorar até o destino. O Nós na Trip super indica o app City Maps 2Go, com ele você tem acesso off line aos mapas e também diversas dicas super legais.

 

 o que fazer em edimburgo nos-na-trip-edimburgo-onibus1

 

Onde se hospedar

Uma das coisas interessantes é que você dificilmente vai utilizar o transporte público para visitar algum ponto turístico, pois a maioria das atrações se localizam no centro da cidade. O Nós na Trip fez a reserva pelo Booking do hostel St Christopher’s Inn. É uma hospedagem bem simples e com café da manhã incluso, ideal para você que procura por uma excelente localização, preço bom (50 reais/diária no quarto com 14 pessoas) e uma caminha descente para recarregar as energias. Há diversas opções de acomodações compartilhadas com locker localizado embaixo das camas, leve um cadeado. Caso precise deixar suas malas no hostel após o check out, custará  £ 2,50 por dia.

 

 

o que fazer em edimburgo nos-na-trip-edimburgo-hostel

 

Qual roupa levar

Edimburgo é uma das cidades Europeias onde os verões são bem amenos, por volta de 16 graus. Se você pretende visita-la em outras estações, é recomendável levar jaqueta impermeável ou capa de chuva, pois a qualquer momento pode chover, mas depois de 10 minutos há possibilidade de abrir o sol, isso vai alternando durante o dia todo, não se espante.

 

nos-na-trip-edimburgo-castelo

nos-na-trip-edimburgo-princes

 

O que experimentar de comida e bebida

O prato mais típico por lá, assim como vários lugares do Reino Unido, é o fish and chips e o fish cake. O Nós na Trip recomenda experimentarem o sorvete de mojito e o refrigerante Irn-Bru, que lembra uma tubaína mas com um gostinho de chiclete de tutti-frutti, se você pensou que é super doce, acertou. Logicamente você tem que ir em um dos vários pubs espalhados pela cidade e tomar uma boa dose de whisky escocês, se ainda assim quiser alguma opção, vá ao Dirty Dick’s. Se você gosta de tomar uns “bons drinks”, faça um Pub Crawl (tour guiado onde você paga por volta de  £ 12,00 e tem direito a vários shots em diversos pubs), o legal é que você pode conhecer gente do mundo todo. Para os cervejeiros de plantão, experimentem a “cerveja” chamada Ale ou até mesmo a cider. Para quem é “formiguinha” , o Nós na Trip indica a http://fudgehouse.co.uk/, uma loja de doces finos que você compra por quilo, uma delícia.

 

nos-na-trip-edimburgo-fish-chips1

 

O que fazer na cidade

 

nos-na-trip-edimburgo-mapa

 

 

Valeu galera e até a próxima viagem!

 

Sigam o Nós na Trip nas redes sociais: Instagram, Facebook, Youtube, Pinterest,Twitter

 

Planeje sua viagem!! Clique no banner para:

Image Map

Image Map

Image Map

Image Map

Image Map

COMPARTILHE:
Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn
Seguir Luciano Correa:

Executivo de marketing digital em Londres e fundador no Nós na Trip, sou viciado em viajar e conhecer destinos paradisíacos. Trabalhei por 7 anos em banco e troquei a vida no Brasil pela Europa. Sofro de TOV, Transtorno Compulsivo por Viajar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *