O que fazer em Cala Gonone, na Sardenha

postado em: Itália, Sardenha, VERÃO EUROPEU | 0

Cala Gonone está localizada ao leste da Sardenha, no Golfo de Orosei, e servirá de base para você fazer o passeio de barco para as praias de Cala Goloritze, Cala Luna, Cala Mariolu, Grutta Del Bue Marino e demais. Neste artigo vou te dar todas as dicas necessárias para você aproveitar da melhor maneira a sua estadia neste paraíso.

Esta foi nossa primeira base na Sardenha em nossa viagem feita em junho/18, descemos no aeroporto de Olbia por volta de 10:30 da manhã, alugamos o carro com a Sicily By Car pelo valor de €106 + €75 de seguro por uma semana, fechamos pela Rental Cars, que é parceira do blog e sempre traz os melhores preços. O bom que você pode cancelar a reserva até 48 horas antes do check-in sem custo algum, clique aqui para ver as ofertas.

O que fazer em Cala Gonone
Cala Luna – A Gruta mais famosa da Sardenha
*Tirando as fotos das grutas, todas demais fotos dos posts da Sardenha estão sem edição nenhuma, adotei a famosa hashtag “#nofilter”, fiz propositalmente para você ter uma ideia real de como a ilha é paradisíaca, posso afirmar que é o lugar mais bonito da Itália e um dos mais tops da Europa. Ao vivo te garanto que é bem mais bonito, por foto não consegue mostrar toda beleza.

A princípio a minha ideia era ir direto para Cala Gonone e passar a tarde na praia de Cala Fuili, que é acessível de carro, mas resolvi dirigir por volta de 2 horas até Stintino para conhecer a famosa praia de La Pelosa, que já foi considerada uma das mais bonitas da Europa. Por volta das 5 da tarde, peguei a estrada por quase 3 horas até chegar em Gonone, essa foi a única maneira que encontrei de encaixar esse paraíso no roteiro, posso afirmar que valeu muito a pena.

Quantos dias em Cala Gonone

Pesquisei muito antes de fechar a minha reserva e decidi que seriam 3 diárias nesta região. Acredito que fiz boa escolha, apesar de ser necessário somente 1 dia para fazer o passeio de barco, é muito comum o mar estar agitado e não ter passeio neste dia. Foi exatamente o que aconteceu comigo, eu havia agendado para o primeiro dia, mas todos os passeios foram cancelados por conta da maré alta.

Recomendo ficar de olho no site Windfinder se o “wave height” estiver entre 0.1 e 0.2, está perfeito pois as ondas estão pequenas. Em meu primeiro dia elas estavam 0.7 / 0.8, com isso todos os passeios de toda as empresas são cancelados.

Caso nestes dois dias a maré esteja alta você pode utilizar o seu terceiro dia (que seria o check-out) para fazer o passeio, mas não saia de lá sem conhecer o Golfo de Orosei.

Em meu primeiro dia (após a chegada), eu resolvi conhecer as praias de San Teodoro, a viagem durou 1:30h de carro e visite a Capo Coda Cavalo, Cala Brandinchi (sensacional), Spiaggia di Lu Impostu e Spiaggia La Cinta. Essa foi a única maneira que eu encontrei para encaixar no roteiro essas praias, posso afimar que valeram muito a pena.

No segundo fizemos o passeio de barco, que conto logo mais como foi a experiência e no terceiro fomos para a nossa segunda base, La Maddalena, e conhecemos no caminho as praias Spiaggia del Principe e Capriciolli. No final do post coloquei um roteirinho pra facilitar a organizar a sua viagem pra Cala Gonone.

Confira as melhores hospedagens e com ótimos preços em Cala Gonone

PS: O Nós na Trip é parceiro do Booking.com e quando você reserva um hotel por esse ou qualquer link dentro do blog, nós recebemos uma pequena comissão para continuar pesquisando e escrevendo matérias gratuitamente para você, mas não se preocupe pois o Booking  NÃO COBRA nenhuma taxa extra por isso, os valores dos hotéis são exatamente os mesmos praticados diretamente no site. Muito obrigado 🙂

Praias do Golfo de Orosei – Fonte: Antonio Foncello

Onde se hospedar

Há dois vilarejos que você pode se hospedar para explorar a região, Cala Gonone e Arbatax. A maioria das pessoas se hospedam em Gonone, que é o lugar de onde saem os passeios, lá foi onde escolhi para fazer base.

Esta região e a Sardenha como um todo não tem muitos hotéis 5 estrelas com piscinas com borda infinita, como por exemplo várias ilhas da Grécia, há muitos vilarejos por lá, as acomodações são mais simples mas isso não tira de maneira alguma o brilho da ilha, com tantas praias bonitas quem vai querer passar o dia em um hotel?

Aqui vão as minhas dicas de hotéis para você se hospedar em Cala Gonone, te garanto que se ficar em algum deles não se arrependerá, lembrando que a cidade é bem pequena, caso não fique nos hotéis abaixo, tente ficar perto do porto:

Hotel Bue Marino – Me hospedei neste, é um 3 estrelas que fica do lado do porto, os funcionários são bem atenciosos, tem o conforto que todo viajante necessita, eles tem um restaurante com vista pro mar e também um outro no último andar do hotel.  Há ainda uma jacuzzi no último andar com vista bem legal para o porto. No mês de junho custou €100 / diária, sem café da manhã.

Hotel Cala Luna – Outro 3 estrelas que é bem procurado por brasileiros, também fica bem próximo ao porto e tem um restaurante com vista pro mar, porém é um pouco mais caro, eu diria 40% mais caro que o Bue Marino, €140.

Hotel Ristorante La Conchiglia – Este é um 4 estrelas mas bem parecido com os outros dois anteriores, a diária é na média igual ao Cala Luna e também tem um restaurante atravessando a rua.

*Vale lembrar que os preços na altíssima temporada podem dobrar (em sua consulta, é provável que os valores estejam diferentes, portanto reserve o seu hotel com bastante antecedência).

Se o seu hotel não tiver estacionamento, não se preocupe, tem um bolsão gratuito pertinho do porto que há dezenas de vagas.

Para ver as melhores opções de hotel em Cala Gonone clique aqui. (Reservando pelo nosso link você não paga nada a mais por isso e nos ajuda a manter o blog atualizado, obrigado).

Trilhas para as praias

As praias Cala Luna, Cala Mariolu, Cala Sisine e Cala Goloritze podem ser acessadas tanto por barco quanto por trilha, na média são 3,5 quilômetros de extensão e você gasta entre 1:30/2:00 horas, sendo descida na ida e subida na volta. A trilha mais famosa é a da Goloritze, que começa no Bar Su Porteddu. Eu vi algumas pessoas chegando na praia através dessa trilha.

Antes da viagem eu havia considerado fazer a de Goloritze, mas como eu e a Helena estávamos mais na vibe de relaxar na praia, preferimos somente fazer o passeio de barco. Conheço pessoas que foram, mas sinceramente eu acho que nenhuma delas vale a pena. Você vai conhecer todas elas de barco, não há necessidade de perder um dia inteiro pra voltar em uma praia que você já conheceu.

Onde contratar o passeio

No porto de Cala Gonone há vários boxes que disponibilizam o aluguel de barco, é altamente recomendado que você entre em contato com antecedência com a empresa de passeios para já tentar deixar agendado e não correr o risco de não ter barco disponível no dia. Nós fechamos com a Dolmen e foi uma experiência incrível, vou deixar o contato deles:

Empresa: Dolmen

Contato: Lino

Website: https://www.sardegnadascoprire.it/en/

Endereço: Box n° 3 Porto di Cala Gonone Sardegna

Whastaspp: 0039 347 66 98 192 ou 0039 340 53 57 627

O que fazer em Cala Gonone
A lanchinha que pilotei da Dolmen

Chegou a hora de decidir qual passeio fazer, vou explicar os tipos de embarcação que você pode escolher, vou mencionar os valores, mas lembre-se que na alta temporada ficam bem mais altos:

Lancha para 12 pessoas – Esse tipo de lancha é indicado para quem não quer pilotar o barquinho, ele para nas praias que o grupo preferir.

O que fazer em Cala Gonone
Lancha de 250hp para 12 pessoas – Foto divulgação

Há também opção por ferry de outras empresas, mas sinceramente não gosto muito de bastante gente no mesmo passeio e sem ter flexibilidade de ficar o tempo que eu quiser em alguma praia.

Lancha para até 7 pessoas – Sinceramente esta é a melhor opção, escolhi esta e foi fantástico, abaixo conto mais detalhes desta experiência onde dirigi a lanchinha pelas praias do Golfo de Orosei. Os valores variam muito, podem ser de €80 na baixa temporada, até €280 na alta + combustível que gira entre €30 e €40. Posso te garantir que vale cada centavo.

O que fazer em Cala Gonone
Fingindo costume em ser o próprio skipper

Dicas para pilotar o barco

Não é difícil pilotar o barco, eu nunca tinha tido essa experiência e foi muito tranquilo, a Dolmem explicou direitinho sobre as praias e o instrutor nos ensinou como pilotar e ancorar. Aconselho ver algum vídeo no Youtube de como ancorar.

Quando você for ancorar o barco, não esqueça de desliga-lo na chave e levantar o motor (em lugares rasos o motor não pode estar abaixado, se não estraga a helice e ai vai lhe custar caro).

Não há necessidade de habilitação para dirigir a lanchinha, apenas apresentando a sua carteira de habilitação e passaporte já é o suficiente.

A empresa Dolmen recomenda você pilotar até a Cala Goloritze (última praia), e depois ir parando nas praias do caminho até chegar em Cala Gonone no final da tarde. Vou listar as principais praias e como e onde você deve parar o barco:

– Cala Goloritze, como é patrimônio da Unesco, todos os barcos devem parar a uma distância de 300 metros da praia, você vai ver uma linha com boias que indica que você não pode passar daquele ponto. Ancorando o seu barco, você precisa nadar por uns 15 minutos até chegar na praia (não é tão fácil), recomendo demais ter uma boia, nos ajudou muito pois cansa e dá aquela tensão de saber se o barco vai estar lá quando você voltar, mas ancorando direitinho ele vai se mover um pouco, que é normal, mas ele estará lá quando você voltar. Nós deixamos as coisas dentro do barco sem problema algum.

O que fazer em Cala Gonone
Cala Goloritze, é paraíso que fala né? rs

O que fazer em Cala Gonone

O que fazer em Cala Gonone

– Cala Mariolu, basicamente esta e as demais praias você tem que ancorar o barco a 100 metros de distância da praia, sempre vão ter as boias indicando, e claro você vai ver vários barcos parados.

O que fazer em Cala Gonone
Cala Mariolu, parece que jogaram omo de tão azul

O que fazer em Cala GononeO que fazer em Cala Gonone– Cala Luna, aqui há duas opções para parar o barco. Tem praias (como essa) que eles permitem você levar os passageiros até a praia, eles desembarcam e você volta para parar a lancha a 100 metros de distância, eu fiz isso. Depois que vi que do lado direito da praia podia parar bem pertinho da areia, faça isso.

O que fazer em Cala Gonone

O que fazer em Cala Gonone
Aquele filtro pra dar uma destacada no Instagram rs

O que levar para o passeio

Como são praias selvagens, quase todas elas não têm estrutura de bar e restaurante, pra ser sincero eu só vi um barzinho na Cala Mariolu. Portanto anoite aí o que você precisa levar para o seu passeio:

– Comes e bebes, passe no mercado e compre algo para comer durante o dia e também para beber.

– A Dolmen fornece uma geladeirinha e aqueles gelos que são em forma de plástico, mas que quase não gelam, portanto compre um saco de gelo. Eles também te emprestam um guarda-sol e no barco você tem um toldo para quando estiver pilotando.

– Leve uma caixinha de som (speaker), será bem útil para quando você estiver navegando e colocar sua playlist preferida do Spotify.

– Dependendo da época, no fim da tarde faz um friozinho de leve, portanto uma blusa fina será bem-vinda.

– É importante também levar capinha a prova d’água para celular, carteira, passaporte e etc.

– Não esqueça da sapatilha de água, pois tem várias praias de pedra, se você for descalço poderá machucar o pé.

Eu e a Helena gostamos demais deste passeio em Cala Gonone, sinceramente parecia um sonho estar na Itália, navegando sozinhos pelas praias paradisíacas do Golfo de Orosei. O passeio de barco não é barato, mas temos poucas chances na vida de vivenciar isso, e se você estiver programando sua viagem pra Sardenha, este será um dos pontos altos da trip.

Roteiro resumido

1º dia – (Parte da tarde) – Spiaggia La Pelosa em Stintino e depois check-in no hotel

2º dia – Como os passeios de barco foram cancelados, pegamos a estrada até San Teodoro e fomos nas praias: Capo Coda Cavalo, Cala Brandinchi, Spiaggia di Lu Impostu e Spiaggia La Cinta.

3º dia – Passeio de barco pelo Golfo de Orosei, saindo de Cala Gonone. As praias que você tem que visitar na região sao: Cala Goloritze, Cala Mariolu, Cala Sisine, Cala Luna, Grutta Del Bue Marino (não fomos) e qual mais você quiser para no caminho.

4º dia – Check-out no hotel e partimos pra La Maddalena, no caminho paramos na praias: Spiaggia del Principe, Capriciolli (é um conjunto de 3 praias uma do lado da outra).

Assim que forem surgindo perguntas sobre Cala Gonone, vamos atualizando os posts para ficar bem completos, boa viagem, ciao!

 

Planeje sua Viagem! Clique no banner para:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Seguir Luciano Correa:

Apaixonado por viagens e adora explorar novos destinos, seu último emprego no Brasil foi em banco, atualmente trabalha com marketing digital em Londres.

Deixe uma resposta