Vinícola Matetic : Produção orgânica em Santiago do Chile

postado em: Chile, Gastronomia, PASSEIOS, Santiago | 0

vinicola matetic nos na trip

Vinícola Matetic: Saia do óbvio e conheça uma vinícola 100% orgânica

Quem vai ao Chile, certamente coloca pela menos uma vinícola em seu roteiro e lógico que comigo não seria diferente ( até porque é simplesmente minha bebida preferida!!). Porém, eu não tinha muita curiosidade para conhecer aquelas vinícolas super turísticas, que todo mundo vai e que eu já conhecia boa parte dos rótulos dos vinhos, daí me surgiu a curiosidade sobre a região de Casablanca e também pelas vinícolas orgânicas. 

O Valle de Casablanca fica a 1 hora de carro de Santiago do Chile e é conhecidíssima por ser uma região de vinícolas e restaurantes super charmosos, inclusive, para quem tiver tempo e gostar desse tour mais gastronômico, acho que vale muito a pena se hospedar alguns dias nessa região. Ela fica na mesma estrada que vai para Valparaíso e também fica pertinho do mar, apenas 18 km.

vinicola matetic nos na trip 2

Como a Vinícola Matetic não é tãooooo turística ( o que eu acho ótimo porque o lugar, o tour e a degustação ficam mais exclusivos), acaba que não é muito fácil encontrar excursões para lá ( não é fácil mas existem wine tours para lá, é só procurar no google) e com isso a maneira mais fácil é ir de carro.

Você pode alugar um carro em Santiago do Chile e passar o dia em Casablanca ( além da Matetic, dizem que a vinícola Emiliana também é super bacana), as estradas são ótimas e bem sinalizadas, é só seguir a Rota 68, porém vai precisar de um amigo da rodada que não beba para dirigir na volta ou você também pode contratar um transfer que te leve até a ou as vinícolas da região naquele dia.

Eu escolhi uma terceira opção, porque o amigo da rodada eu não tinha hahahaha e o valor do transfer eu achei muito caro… ou seja, sobrou o bom e velho transporte público!!

Já adianto que não achei a melhor opção e nem faria de novo, não por ser perrengue mas porque a logística não é boa mesmo.

Eu peguei um metrô do meu hotel,  saltei na estação Central e caminhei ( é pertinho) até a Rodoviária San Borja, da onde saem os ônibus para Casablanca. Confesso que achei a rodoviária uma confusão só, ninguém sabia explicar direito da onde saiam os ônibus para Casablanca, com isso demorei um pouquinho até me achar e acabei perdendo o horário do ônibus que queria pegar. Se não me engano os ônibus saem de hora em hora. O trajeto até Casablanca leva em torno de 1:30h, 1:40h,  são ônibus de turismo, aqueles mais confortáveis,  e o ponto final é bem na pracinha principal da cidade. O ônibus custa 2.300 pesos ( +- uns R$12,00). 

Como levei muito mais tempo para chegar do que imaginei, acabei desmarcando de conhecer a vinícola Emiliana, que iria conhecer pela manhã e fui direto para a Matetic. Da pracinha onde o ônibus para até as vinícolas o único transporte é táxi e assim paguei 12.000 pesos (+- uns R$ 59,00) até a Matetic, que é um pouco longe do centro, acho que levei uns 30 minutos ou pouco mais de táxi até lá.

vinicola matetic nos na trip erica camargo 3

A Vinícola Matetic tem mais de 150 hectares, é enorme e tem duas entradas, a primeira onde ficam o restaurante e a pousada e a segunda onde fica a vinícola.

Desembarquei na primeira entrada pois meu almoço estava marcado antes do tour e assim conheci um pouco do espaço super agradável da Matetic!!! O lugar é lindo, super bem cuidado e aproveitei para conhecer a Pousada La Casona, que pareceu ser uma graça e bem reservada e também o Restaurante Equilíbrio, que é simplesmente um charme só!!

Super indico fazer reserva caso queira almoçar no Restaurante Equilíbrio, apesar do restaurante não ser pequeno percebi que ele estava bem cheio na hora que eu cheguei.

vinicola matetic nos na trip erica camargo 5

vinicola matetic nos na trip 6

O restaurante tem um visual lindo do lago e tem área fechada com ar condicionado e uma varanda muito charmosinha, lógico que preferi ficar na varanda. Para o almoço eu aceitei a sugestão do chefe mas como o prato não estava no cardápio, confesso que esqueci exatamente o que era hahahahaha mas bem, nada complicado como pode se ver pela foto, carne vermelha, batata frita provençal, ovo frito ( que devia ter algum nome bonito mas não lembro, rs) e um molho que a base era manteiga. Estava bem gostoso, porém estava com muuuuuuita manteiga e pro meu paladar acabou ficando um pouco enjoativo.

De sobremesa fui de chessecake de queijo de cabra com sorvete!!

vinicola matetic nos na trip 7

Depois do almoço foi a vez de fazer o tour pela vinícola e também a degustação dos vinhos!!

Só um PS. importante aqui... os vinhedos ficam um pouco distante do restaurante, ou seja, você necessariamente precisará de um carro nesse momento. O restaurante oferece um transfer, porém é pago (se não me engano são 5.000 pesos ida e volta), além de caro achei bem ruim a vinícola não oferecer um transporte gratuito dentro de sua propriedade.

A vinícola Matetic, é super nova, foi criada em 1999, entrou para o mercado em 2002 e logo em seguida, em 2004, ganhou o prêmio por fabricar um dos melhores cem vinhos do mundo, o seu Syrah, que realmente é incríveeeeeeeel ( no final da degustação quis trazer todo o estoque para casa, rs). 

A vinícola Matetic se destaca por ser uma vinícola 100% orgânica, ou seja, o seu ciclo de produção é totalmente natural e as parreiras não recebem nenhum tipo de pesticidas ou agrotóxicos. Ela utiliza o processo biodinâmico de produção, onde tem como princípio tratar a terra como um organismo único e vivo. Sendo assim, absolutamente tudo é produzido ali, desde o adubo, feito com reaproveitamento de cascas, sementes e sobras de uva, até os fungicidas feitos de esterco (alguns animais são criados soltos para ajudar na fertilização natural da terra) e plantas medicinais.

A plantação e colheita são realizadas de acordo com o calendário solar e as fases da lua, além de serem sempre manual e entre os meses de março e maio.

vinicola matetic nos na trip 10

O tour é feito por um simpático e divertido guia, que fala espanhol ( mas dá para entender super bem –  e eu não falo nenhuma palavra em Espanhol) e pode ser em grupo ou privado ( eu escolhi o privado), ele explica toda história da Matetic, assim com seu funcionamento, produção orgânica e armazenamento.

O armazenamento dos vinhos é feito em barris de carvalho francês e utilizado no máximo cinco vezes, após isso, ele é cortado e reutilizado na decoração da própria vinícola ou vendido para produtores de pisco sour.

vinicola matetic nos na trip 9

O tour demora em torno de 1:30h e no final vem a parte que eu tanto estava esperando, a degustação dos vinhos, rs. Na degustação, que eu escolhi ( Tour e degustação de vinho da linha Equilibrio – privado) foram quatro vinhos da linha premium Equilibrio, um Pinot Noir, um Syrah, um Chardonnay e um Sauvignon Blanc. 

Todos os vinhos tem uma característica marcante e o guia nos explicou todas elas, assim como harmoniza-los com diversos tipos de comida. Meu preferido foi o tinto Syrah… que vinho boooooom!! A última garrafa que trouxe para casa ainda tá aqui e to morrendo de pena de abrir e acabar hahahahahaha.

vinicola matetic nos na trip 8

Ah depois da degustação a gente passa na lojinha da vinícola Matetic, com todas as linhas de seus vinhos e vários temperos, azeites e objetos de decoração e utilidade para quem curte vinhos!!

Além dos vinhos, eu também comprei um azeite ( muito bom) e um sal do deserto do Atacama com especiarias. Tinham uns três ou quatro tipos de especiarias lá e eu comprei a Merkén, quem é um condimento chileno picante, uma mistura de pimenta vermelha seca ao sol e depois defumada e moída com sementes de coentro. Receita indígena da tribo Mapuche do sul do Chile… só tenho uma coisa a dizer, foi o melhor sal temperado que eu já comi na vidaaaaaaaaaa!!!! Sério, vocês não tem ideia de como é bom e como eu me arrependo de não ter trazido mais ( se alguém for a Matetic e quiser deixar uma blogueira feliz, já sabem hahahaha) mas por favor, não deixem de comprar esse sal, ele é da marca Aukas e não sei se é vendido em outros lugares em Santiago ( mas acredito muito que sim). 

PS2: Na volta, caso vocês estejam sem carro como eu, não deixem de conferirem o último horário do ônibus Casablanca X Santiago. Como meu tour atrasou eu acabei ficando mais tempo do que tinha programado e se não fosse o taxista muuuuuito parceiro que deu uma boa acelerada até o centro, certamente teríamos perdido o ônibus!!

Aliás, vou deixar o contato do taxista, caso precisem pela região de Casablanca.

Para mais informações, horários e preços dos tours entre em contato diretamente com a vinícola

TOURS 

Tel: +56 2 2611 1520
(segunda a sexta, de 09:00 a 18:00 hrs.)

[email protected]

RESTAURANTE EQUILIBRIO

Teléfono +56 9 89202066
(terça a Domingo, de 09:00 a 17:00hrs)

[email protected]

Planeje e facilite sua viagem !!! Clique no banner para:

Image Map

Image Map

Image Map

Image Map

 

ASSISTA NOSSO VÍDEO COM MUITO MAIS SOBRE A VINÍCOLA MATETIC E MEU ROTEIRO E  DICAS EM SANTIAGO !!

Image Map
Seguir Erica Camargo:

Apaixonada por explorar novos lugares e compartilhar suas experiências... as boas e os perrengues também, rs!! Adora conhecer bons restaurantes, descobrir lojinhas locais, é super ligada em tendências e hotspots e não dispensa uma boa balada!!

Deixe uma resposta